Faça em casa: Cinco Marias

Faça em casa: Cinco Marias

Essa é uma brincadeira que a minha tia sempre faz com a Angela quando  vamos a algum restaurante, as cinco marias nada mas é do que cinco objetos (no improviso pode ser o que estiver ao alcance) que a criança tem que pegar com apenas uma mão. Lendo assim parece fácil né? Mais é preciso certa destreza e coordenação, o jogo prende a atenção da criançada que fica persistente a pegar as peças sem o uso da outra mão.

Para fazer uma boneca para ilustrar o nome da brincadeira, é bem simples e não precisa de muita prática de costura. Para começar é preciso de cinco saquinhos de tecido coloridos ou uma cor só com mais ou menos 4cm por 3cm, o enchimento pode ser areia, farinha, grãos de feijão ou arroz. Na hora de finalizar é bacana incluir a criança a desenhar o rosto das “marias”, em loja de artesanato a caneta para tecido custa em média R$ 3,00 e super rende! Para colocar a cabeça pode ser costurada no tecido colorido que será o corpinho ou colar com cola de tecido.

Segue as regras para o jogo:

1.Espalhe os cinco saquinhos no chão. O melhor jeito é jogá-los para cima e deixar cair de qualquer jeito, sem que fiquem muito longe um do outro.

2.Escolha um saquinho, jogue-o para cima e pegue outro do chão com a mesma mão. Você precisa ser rápido o bastante para conseguir pegar o primeiro na volta.

3.Jogue os que estão na mão para o alto e, sem deixá-los cair, tente pegar mais um. Continue até que esteja com os cinco na mão.

4.Agora que conseguiu, tente fazer diferente: em vez de pegar um saquinho por vez enquanto o que jogou para cima não cai, você tem que pegar mais de um por vez.

5.Comece tentando pegar dois de cada vez. Lembre-se que não pode deixar cair nenhum dos que estão na mão enquanto pega os próximos. Conseguiu? Agora tente pegar dois saquinhos na primeira vez e três na segunda. Por fim: jogue um para cima e tente pegar os quatro restantes de uma vez só!

 

Sobre o Autor

Thais Oliveira Santos

Jornalista de profissão, sagitariana nata, otimista sempre.De todas as coisas que eu gosto, escrever está entre as 5 melhores. Ser mãe me mostrou uma pluralidade incrível e uma tolerância notável. De tudo que passei, não mudaria nada pra chegar até aqui.

Sem Comentários

Deixe uma resposta