Teatro Infantil: Frozen 2 – O Aniversário de Anna

Teatro Infantil: Frozen 2 – O Aniversário de Anna

Um dia perfeitoooo… O aniversário de Anna foi bem fofo não? O curta Frozen – Febre Congelante que chegou as telas de cinema antes da lindíssima Cinderella, ganha uma adaptação para o teatro no dia 4 de Junho (feriado de Corphus Christie) as 15h30 no Teatro Coliseu. E como amamos uma diversão em família, as mamães do Brincar tem um super desconto EXCLUSIVO até o final deste mês.Veja como e onde comprar o seu convite

A apresentação vai contar  os melhores momentos da primeira aventura onde a irmã mais nova tem uma difícil missão e com a ajuda de seus amigos vão atrás da RAINHA que sem ter controle dos seus poderes acabou congelando todo o seu reino. Após um final feliz para todos uma nova era de felicidade ecoa no ar. Agora todos estarão empenhados na realização da festa de aniversário dela onde muitos acontecimentos irão emocionar e encantar todo o público presente! Simplesmente inesquecível!

Os ingressos custam de R$ 60,00 a R$ 80,00 e tem direito ao desconto de 50% clientes ItauCard, maiores de 60 anos e estudantes. Para os assinantes de A Tribuna o desconto é de 30% e SEGUIDORES DO BRINCAR EM SANTOS. Para ter direito ao desconto, basta imprimir o flyer aqui em baixo e apresentá-lo na bilheteria do teatro. É possivel também comprar os ingressos pelo CompreIngresso

  • Plateia e Camarote A
    R$ 80,00 inteira
    R$ 40,00 meia
  • Tribuna 2º e 3º andar
    R$ 60,00 inteira
    R$ 30,00 meia
  • BRINCAR EM SANTOS

A produção fica por conta da Plateia Mirim apresentando a continuação dessa incrível e divertidíssima aventura de um dos grandes sucessos do cinema, encantaremos toda a família com efeitos especiais de luzes e som além dos figurinos fantásticos dos personagens.

 

Sobre o Autor

Thais Oliveira Santos

Jornalista de profissão, sagitariana nata, otimista sempre.De todas as coisas que eu gosto, escrever está entre as 5 melhores. Ser mãe me mostrou uma pluralidade incrível e uma tolerância notável. De tudo que passei, não mudaria nada pra chegar até aqui.

Sem Comentários

Deixe uma resposta